quarta-feira, junho 25, 2008

Ele


ele vem lá do japão
vive no meu john lennon
me aburrece por vezes
tem cheiro bom
pele macia
e encanto de saudade
vive lá pelo cerrado
mas que tanto faz
meu amor, nosso amor
com São Paulo ou Roraima.
onde for,
Sinto cada pedaço
e deito meu rosto
naquele poço
naquele colo
só pra encostar
e sonhar
sinto na verdade, muita saudade
e não gosto nem um pouco de rimar
principalmente com algo
que termine em ar
mas pra te falar
é o mar aqui dentro
é yemanjá
que goteja junto ao meu peito,
sangra,
e me leva embora,
onde for mar
onde a glória conquista, onde o peito carrega
onde na marina acalma-se,
e meu barco
atraca-se lentamente

Nenhum comentário: