sexta-feira, outubro 16, 2009

um pouco de sabor

Poeira vermelha
E sonho longo
De trepadas e muita traição.
É o gosto do maior desejo,
O outro mundo que não seja só meu.
Sou objeto? Logo eu homem sem objeto.
Membro fálico corrompido,
Sente falta de quê?
Flores, ar e sentido.
Limpo meus olhos
E minha cara está pálida.
A volta não sabe
O caminho de casa.

quinta-feira, outubro 15, 2009

arquivo de marina

há quem diga que dormi em hora errada.
bebi, menti
e sorri.
há quem diga
que eu não sei de nada,
trago não parto
calo e reparto.
há quem diga
que eu,
que eu,
que eu devo matar.

terça-feira, outubro 13, 2009

diz certo

EU ACREDITO!
relaxa e goza!
ABAIXO A DITADURA!
sei que vou sozinho, tão sozinho amor
burguesia fede?
tão sozinho amor, nem é bom pensar que eu não volto mais desse meu caminho.
chiclete chiclete quero chiclete
lula lá?
DEMO CRATAS?
adeus.
Adeus meu bem adeus, adeus que eu já vou embora
Sigo viagem chorando quem fica não sei se chora
Vou tirar meu coração fazendo um corte no peito
E deixo pra quem eu amo pra guardar com muito jeito.

we're more popular than Jesus Christ!
Please Kill Me? ui ui ui
chafariz na cara do lou reed!