sábado, junho 02, 2007

Só se for doce

Listando - Milton Nascimento - Cravo e Canela - 1972

Arraste a canoa
Suspire em minha boca
Deseje meu beijo
Sustente meu corpo
Suspire minha língua

Afague meu corpo
Amarre um barbante
Sustente essa dor
Abaixe meu braço
Lamente meu medo
Abrace meu corpo
Carregue o amor


Um comentário:

Thaís disse...

No meu barco de madeira encardido pela areia, tem um furo que brota água...
Não fui eu quem deixou aquela água entrar...
Só espero não afogar.