quarta-feira, julho 01, 2009

diário de junho

Vou correr. Estou pensando você. Um amor de carnaval em plena festa junina é raro, porém com a gente é assim, é fogueira e é quentão. Subestimo meu passeio, entro no parque e começo a retalhar cada compasso de vida que me passa. A menina caminha falando no celular. Os dois aposentados comentam sobre a vida pós-viuvez. A bola rosa da criança rola em minha direção e chuto sem muita precisão. Ok, nunca tive muita noção de minha força, a bola vai parar do outro lado do parque. A astronauta passa por mim com tantos efeitos, pratas em seus equipamentos e seu patins supersônico. Vai cair, tomara. Seria o justo para tanta produção. O celular volta a passar e termina com a frase “Ele jura que não fez”. Ah, eu também não fiz, juro. A bola já está por voltar e a mãe agradece timidamente com um: "obrigado moço". Vou correndo e passando, voando pelo aeroplano. Por ele vôo sobre minha marginal. Ah, se todas fossem iguais a você eu seria o cafajeste que você sempre pintou. Tem sorte que eu não pinto e você é só você. Seu patins, essa perna toda machucada, fodida, mas com alguns campeonatos de não sei o quê que você já ganhou. Não é por falta de vontade, mas esqueci o nome. Porém que é única é. Essa enorme tribal, macia, gostosa, sobre, sob, sobre. Declaro esse amor, e é pra já, o parque já está fechando e é uma onda ser moço.

6 comentários:

Jóic disse...

É impressionante a capacidade que você tem de envolver suas palavras com a imaginação dos leitores.
Parabéns!

Anônimo disse...

Como sempre, maravilhoso!

Anônimo disse...

Deve ser mesmo uma onda ser moço. E com certeza é uma onda ler você!
Este recado é meu... pessoalmente é outra história: é lenda!

LUKAZVINI disse...

Bem legal consegui vizualizar tudo.

T. disse...

Não vou dizer nada que é pra não estragar, pra guardar pra mim, assim, assim.

Anônimo disse...

cara, você engana bem mas no fim não passa de um escorpiano escroto traiçoeiro que PENSA que entende de amor....agora eu entendo e sinto NOJO.

vai, posta isso seu babaca...